terça-feira, setembro 16, 2008

Chuva

Por entre gotas de chuva deixava-se passear. Deixava-se tocar por algumas delas e de repente simplesmente parou. Subiu a cabeça e fechou os olhos. A leve brisa fazia ondular o cabelo que lhe acariciava as costas. Os braços desnudados. Pequena carícia. Sentia pequenas gotas chegar ao seu rosto e deixou-se... Simplesmente sorriu com a simplicidade que tinha um momento tão sereno... feliz...

Etiquetas:

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial